Aposentadoria e Pensões do INSS

SAIBA SE VOCÊ TEM ALGUMA REVISÃO A SER FEITA OU SE JÁ TEM O DIREITO À SE APOSENTARO

Prestador Jurídico: Assessoria em INSS

Você que recebe benefício do INSS seja aposentado ou pensionista, nós lhe indicamos se você tem direito a alguma revisão judicial. Se você ainda não é aposentado, nós lhe assessoramos na sua contagem de tempo, requerimento de concessão de benefício judicial ou administrativo, inscrição na Previdência e consultas em geral.

 

CONCESSÃO DE APOSENTADORIA ADMINISTRATIVA

Se você completou o seu tempo de serviço ou idade para se aposentar, nós podemos fazer o requerimento no INSS para você, sem filas, constrangimentos, demoras e outros problemas que todos enfrentam ao pedir a sua aposentadoria. Através de profissionais capacitados, nós encurtamos o caminho para você, resolvendo antecipadamente todos os detalhes pendentes de sua vida profissional e que são a razão de muitos atrasos nos pedidos.

Lembramos que a idade mínima para Aposentadoria por Idade é de 60 anos para mulheres e 65 anos para homens, sendo necessário o tempo completo de no mínimo 162 meses ou 13 anos e 6 meses para 2008, aumentando em 6 meses a cada ano que passamos, porém, há possibilidade de uma aposentadoria com menos tempo que este, desde que a idade mínima tenha sido completada em anos anteriores a 2007. Como exemplo, se a mulher completou 60 anos em 1999, naquela época o tempo exigido era de 9 anos, portanto, tendo este tempo já é possível pedir sua aposentadoria.

O Prestador Jurídico estudará o seu caso para verificar a possibilidade.

Fazemos o requerimento de outros pedidos de aposentadoria como por tempo de contribuição de 25 a 30 anos para mulher e 30 a 35 anos para homem.

Também transferimos a aposentadoria da pessoa falecida para o marido, esposa ou filhos, transformando-a em pensão. Consulte-nos

CONCESSÃO DE APOSENTADORIA JUDICIAL

Se depois de um requerimento no Posto do INSS você teve o seu benefício indeferido, você pode tentar o pedido judicial, que será feito no fórum, através de advogado.

Antes, será necessária uma análise do caso e avaliada a possibilidade de sucesso do pedido no fórum.

REVISÃO DE BENEFÍCIO JUDICIALMENTE

Mesmo tendo obtido seu benefício de aposentadoria ou pensão há algum tempo atrás, sempre existem erros da Previdência, seja na concessão ou durante o pagamento do benefício.O Prestador Jurídico dispõe de uma série de ações judiciais requerendo o recálculo do benefício, o pagamento de atrasados, o aumento de benefícios e outros pedidos.

Veja abaixo os principais motivos de revisão e o que será possível pedir judicialmente

REVISÃO DA ORTN/OTN

Para aposentados com concessão entre 1977 e 1988, com direito à reajustes de 5% à 62% dependendo do mês e ano da concessão, com pagamento das diferenças anteriores a 5 anos.

REVISÃO DA ORTN/OTN PARA PENSIONISTAS

Para pensionistas que recebem benefício de seu marido, esposa ou filho falecido desde o período de 1977 à 1988, podendo requerer as diferenças de 5 anos e reajuste da atual pensão.

REVISÃO DA URV OU IRSM

Para aposentados com concessão de benefício entre 1994 e 1997, com direito à reajuste de 39,67%, com pagamento das diferenças anteriores a 5 anos.

REVISÃO DA URV OU IRSM PARA PENSIONISTAS

Para pensionistas que recebem benefício de seu marido, esposa ou filho falecido desde o período de 1994 à 1997, podendo requerer as diferenças de 5 anos e reajuste da atual pensão.

REVISÃO DO BURACO VERDE

Para aposentados entre abril de 1991 e dezembro de 1993, com contribuições superiores ou iguais ao teto de 10 salários nos trinta e seis meses anteriores ao pedido de aposentadoria.

REVISÃO DO BURACO VERDE PARA PENSIONISTAS

Para pensionistas que recebem benefício de seu marido, esposa ou filho falecido desde o período de abril de 1991 à dezembro de 1993, podendo requerer as diferenças de 5 anos e reajuste da atual pensão.

REVISÃO DE APOSENTADORIA POR INVALIDEZ

Para aposentados por invalidez a partir de abril de 1995, desde que tenha recebido anteriormente o Auxílio-Doença. O cálculo do INSS foi feito de forma errada, e dá direito a revisão do valor e pagamento de atrasados.

REVISÃO DO 13º SALÁRIO

Para aposentados que tenha sido empregados com carteira assinada em período anterior a aposentadoria, com beneficio concedido entre 1992 e 1996. Pensionistas de benefícios desta época também tem direito. Dá direito a atrasados e reajuste do valor.

CÁLCULO DE TEMPO, INSCRIÇÃO E CONSULTAS

Evite filas nos Postos do INSS. O Prestador Jurídico presta este serviço a você através de nossos profissionais evitando desgastes e perda de tempo na Previdência.

Fazemos o cálculo de tempo de trabalho através de sistema do próprio INSS, sem agendamentos. Também fazemos sua inscrição no INSS para início de pagamento de carnê de contribuição, seja para autônomo ou donas-de-casa, estudantes ou outras pessoas que querem fazer o pagamento do INSS, utilizando até a nova regra do governo de pagamento reduzido mensal.

 

O Prestador Jurídico lhe dá toda a assessoria no assunto INSS.

Entre em contato conosco.

Fones: (11) 2967-6628 – (11) 2967-6587 – (11) 2955-5358

Ou venha até nosso escritório:

Rua Guaranésia, 627 – V. Maria – São Paulo - SP

Também por e-mail:

assessoria@prestadorjuridico.adv.br





___________________________________________________________________


| Home | Quem Somos | Dpvat | Expurgos de Poupança | | Aposentadoria | Materiais Jurídicos | Atualizações | Cálculos Jurídicos |
Serviços Diversos | Certidões | | Modelos de Petições | Informativos | Matérias de Jornal | Link's Úteis | Fale Conosco |

Prestador Jurídico Asses. e Consultoria
Rua Guaranésia, nº 627 – Bairro: V. Maria – CEP: 02112-001 – São Paulo/SP
Telefones/Fax: (11) 2967-6587 / (11) 2967-6628 e (11) 2955-5358

E-mail´s: prestadorjuridico@prestadorjuridico.adv.br e prestadorjuridico@terra.com.br